Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto

Sapato de salto alto não é o vilão que você pensa

Como mulher, você pode ter ouvido a frase: “Está é a dor da beleza.” Estamos constantemente depilando, tirando a sobrancelhas e acordando 30 minutos mais cedo por causa da boa aparência. Embora esta frase possa muitas vezes se referir ao tempo extra, esforço e dinheiro que colocamos na beleza, em alguns casos, não há verdadeira dor que vem do nosso desejo de parecer e nos sentir bonitas. Um exemplo clássico disso vem dos nossos sapatos – o salto alto.

Uma em cada dez mulheres usam saltos altos, pelo menos, três dias por semana. Mulheres de todas as idades e profissões colocam seus saltos para ir ao trabalho, escola, encontros religiosos ou eventos sociais, se preocupando muito mais com o look do que com a dor nos pés. Na verdade, 42% das mulheres dizem que vão usar sapatos, independentemente do desconforto que sentem. Para apoiar essas mulheres e lembrar dos perigos do salto criamos uma lista de Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto.

O salto alto pode causar um desalinhamento de seu corpo. Quando você usa saltos altos, mais pressão é colocada sobre a bola do seu pé fazendo com que você se incline para a frente. A fim de compensar e ficarmos de pé e eretas, criamos uma pressão sobre os quadris, joelhos e costas que podem criar problemas extras.

As varizes não são causadas pelo uso do sapato de salto alto, e sim, devido a característica genética, e às alterações hormonais que passam ao longo da vida, como menstruação, gravidez e menopausa. Essa flutuação hormonal diminui a força das paredes das veias, deixando os vasos mais fracos e predispostos para o aparecimento de varizes. Para evitar o aparecimento das varizes é recomendada a prática de atividade física, alimentação balanceada e controle do peso.

Provavelmente o maior mito sobre saltos é que causam doenças articulares. Mas a verdade é que o ganho de peso ou outros fatores hereditários podem ser igualmente, se não exclusivamente, culpados.

Não se prive a chance de uma boa aparência, mesmo quando estiver grávida. Ao contrário da crença popular, você não prejudica o desenvolvimento do bebê usando sapatos de salto alto. O único problema em usar salto alto na gravidez é torná-la propensa a cair, o que naturalmente perigoso para a mãe e o bebê.

Saltos altos podem causar dores nos músculos do pescoço quando nossa postura não é correta ao usar um sapato de salto alto. Nosso tendão de Aquiles pode encurtar uma vez que o calcanhar fica constantemente levantado, e nossa panturrilha e músculos lombares pode experimentar fadiga. Numa tentativa de contrariar esta estirpe, podemos experimentar espasmos em outros músculos.

É importante cuidar dos pés, mas não precisamos parar de usar nossos belíssimos sapatos de salto alto. Devemos sim investir em bons sapatos que suportam os nossos pés e são confortáveis. Aqui estão algumas sugestões para limitar o efeito prejudicial do salto alto em seus pés e corpo.

– Use diferentes alturas de saltos.
– Use sapatos de salto em dias em que você não vai andar muito.
– Use palmilhas para reduzir o impacto sobre os joelhos.
– Alongue os músculos das pernas, pés e quadris.

Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto 1

Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto 2

Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto 3

Verdades e Mentiras sobre Sapato de Salto Alto 4





Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *